No Dia Mundial da Saúde Mental, deixe seus preconceitos de lado!

Se partirmos do pressuposto de que a saúde mental nada mais é do que a causa de diversos problemas médicos em todo o planeta, não há dia melhor para deixar seu preconceito de lado do que justamente nessa quarta-feira, dia 10 de outubro, Dia Mundial da Saúde Mental. Em primeiro lugar, cabe salientar que, embora a saúde mental não tenha barreira, a maioria das doenças associadas à sua presença têm, sim, um tratamento eficaz.

Um pouco de história

O Dia Mundial da Saúde Mental possui uma história datada de 1992, ano em que a Federação Mundial de Saúde Mental fez questão de prezar pela efeméride e a inocorporar no calendário médico global.

Em solo brasileiro, por outro lado, a Organização Mundial da Saúde (popular OMS) considera que a questão da Saúde Mental vai muito além de um simples problema médico e ultrapassa a casa das fronteiras e de outras barreiras que buscam limitar toda e qualquer abordagem da doença.

O cuidado com o suicídio

Não há como negar que, em pleno século XXI, as doenças mentais se apresentam como as mais responsáveis pela promoção de suicídios não somente no Brasil, mas também em todo o mundo. Aliás, é também em função dessa informação que, no campo prático, o Dia Mundial da Saúde Mental merece um destaque ainda maior.

Depressão

Diretamente atrelado ao suicídio (já que se caracteriza por ser uma de suas principais causas e/ou fatores de risco), a depressão é, atualmente, uma das doenças que mais cresce em todo o planeta.

Para tratá-la, no entanto, é necessário que o paciente compreenda a gravidade do mal e se previna com algumas ações básicas e rotineiras. Nesses casos, psicólogos e psiquiatras também podem contribuir.

Portanto, agora que você já conhece algumas das características históricas e atuais a respeito do Dia Mundial da Saúde Mental, aproveite para se conscientizar e, por que não, brindar a data!

Facebook Comments

Posts Relacionados

Deixe o seu comentário