Entenda por que autismo e barulho dificilmente cabem na mesma frase

Que o autismo representa uma das doenças mais recorrentes dos tempos atuais, muitas pessoas já sabem. O que poucas delas imaginam, no entanto, é que os pacientes que sofrem com este grave problema normalmente contam com algumas dificuldades sensoriais que necessitam ser consideradas. Uma delas diz respeito à hipersensibilidade auditiva.

Com hiperatividade auditiva, neste caso, busca-se fazer uma alusão direta ao fato de que os autistas normalmente sentem “mais” os barulhos que recebem do que as pessoas que não se enquadram no espectro da doença. Em níveis de comparação, todo autista que sofre com a hipersensibilidade auditiva possui sensações mais intensas do que as pessoas que ouvem um determinado barulho ou ruído como ele realmente é.

Imagine a seguinte situação…

Imagine, hipoteticamente, a seguinte situação: você está passando por uma rua e, ao seu redor, existem carros, vendedores, caminhões de lixo, além de pessoas conversando e caminhando. Agora otimize todos estes sons à máxima potência. Pois saiba que é exatamente este o som sentido pelos autistas que sofrem com a hipersensibilidade auditiva, problema que também pode se estender – ou simplesmente afetar – os demais sentidos do corpo humano. Relembre quais são eles:

  • Tato;
  • Olfato;
  • Paladar;
  • Visão.

Você possui um familiar autista na família? Se sim, fique atento a seus sinais!

Caso você tenha algum familiar autista em sua família, saiba que se atentar a seus sinais mais presentes pode vir a lhe representar uma série de benefícios. Se mais uma vez pegarmos como base a característica da hipersensibilidade auditiva, você poderá a considerá-la a partir do momento em que, de maneira frequente, é bom que se diga, o autista coloca suas mãos nos ouvidos ou se sente incomodado com algum carinho na região da face.

Agora que você obteve informações ricas a respeito do quão difícil é integrar os conceitos de barulho e autismo na mesma frase, clique aqui e agende sua consulta com um especialista no tratamento deste tipo de problema. Você não irá se arrepender!

 

Facebook Comments

Posts Relacionados

Deixe o seu comentário